sábado, 4 de fevereiro de 2017

8º Domingo do Tempo Comum – Ano A

(Cor litúrgica: verde)

NINGUÉM PODE SERVIR A DOIS SENHORES!




Entrada
Sê a Rocha que me Abriga                     
Reginaldo Veloso

(6º ao 9º DTC Ano A)

Ref.: sê a rocha que me abriga,
Casa forte que me salva;
Para honra do teu nome
És o guia que me ampara!

7º domingo - si 13 (12), 6
Confiei em teu amor,
Tu me salvas e eu me alegro;
Ao senhor eu cantarei
Pelo bem que me tem feito!

8º domingo si 18(17), 19-20
O senhor é meu apoio,
Da angústia me livrou;
O senhor é meu amigo
E por isso me salvou!

9º domingo - si 25(24), 16-18
Ó senhor, olha pra mim,
Piedade, estou aflito;
Vê minha dor,
Meu sofrimento
E perdoa meus delitos!

1. Ponho em deus minha esperança,
Que eu não seja envergonhado.
Já que és justo, me defende:
Sei que vou ser libertado.
Vem ouvir minha voz,
Eu estou angustiado.

2. Sê pra mim uma rocha firme,
Sê pra mim seguro abrigo,
Sê pra mim uma fortaleza.
Me orienta e eu vou contigo,
Eu te entrego o meu espírito
Desde agora, eu tu bendigo

3. Confiando em tua face,
Vão vencer os intrigantes.
Recebidos em tu tenda,
Proteção terão constante.
Sê bendito, meu senhor,
Sê bendito em todo instante.

4. Eu dizia na afiliação:
"deus não quer saber de mim".
Vejo agora que me ouviu,
Quando eu reclamei assim.
Santos todos, amem, louvem
O senhor, até o fim!
                                                                           

Música aqui.

Perdão

Por nossas fraquezas humanas
Por nossas fraquezas humanas, Senhor tende piedade!
Por nosso injusto egoísmo, Senhor tende piedade!

Por nossas faltas de fé e de amor, Piedade, piedade senhor!
Por nossas faltas de fé e de amor, Piedade, piedade senhor!

Porque eu não fui solidário, Senhor tende piedade!
Porque fomos indiferentes, Senhor tende piedade!

Por nossas faltas de fé e de amor, Piedade, piedade senhor!
Por nossas faltas de fé e de amor, Piedade, piedade senhor!
Glória – CNBB Renato Bevilacqua

                                                                   


Hino de Louvor
Gloria a Deus no céu – Pe. Ney
                                                                
 

SALMO RESPONSORIAL – SL 61 (62)

R: Só em Deus a minha alma tem repouso, só Ele é meu rochedo e salvação.

Só em Deus a minha alma tem repouso, / porque dele é que me vem a salvação! / Só Ele é meu rochedo e salvação, / a fortaleza, onde encontro segurança!

Só em Deus a minha alma tem repouso, / porque dele é que me vem a salvação! / Só Ele é meu rochedo e salvação, / a fortaleza, onde encontro segurança.

A minha glória e salvação estão em Deus; / o meu refúgio e rocha firme é o Senhor! / Povo todo, esperai sempre no Senhor / e abri diante dele o coração.
                                                               
                                              
Aclamação:
Aleluia, Aleluia, Aleluia, Aleluia
                 
A Palavra do Senhor é viva e eficaz. / Ele julga os
pensamentos e as intenções do coração.

                                                 
Ofertório:
(6º ao 9º DTC)

A vós, Senhor, Apresentamos
A VÓS SENHOR APRESENTAMOS ESTES DONS:
o pão e o vinho, aleluia!(refrão)

1 - Que poderei retribuir ao Senhor Deus,
por tudo aquilo que Ele fez em meu favor?

2-Elevo o cálice da minha salvação,
invocando o nome santo do Senhor.

3-Vou cumprir minhas promessas ao Senhor,
na presença do seu povo reunido;

4-Por isso oferto um sacrifício de louvor,
invocando o nome santo do Senhor.
                                                                     
                                                                                  

Música aqui.

Santo:
Santo – Ir. Miria
                                                            
Comunhão: Sermão da Montanha (Felizes os pobres)
(4º ao 10º DTC Ano A)

                                                                  
                                                                   
Final: 1200 – G – Imaculada                            
(Frei Fabreti)

Refr.: Imaculada Maria de Deus,/ Coração pobre acolhendo Jesus./ Imaculada Maria do povo, / Mãe dos aflitos que estão junto à cruz.

1. Um coração que era "sim" para a vida,/ Um coração que era "sim" para o irmão./ Um coração que era "sim" para Deus:/ Reino de Deus renovando este chão.

2. Olhos abertos pra sede do povo,/ Passo bem firme que o medo desterra./ Mãos estendidas que os tronos renegam,/ Reino de Deus que renova esta terra!

3. Faça-se, ó Pai, vossa plena vontade:/ Que os nossos passos se tornem memória/Do amor fiel que Maria gerou:/ Reino de Deus atuando na história.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.