sábado, 4 de fevereiro de 2017

7º Domingo do Tempo Comum – Ano A

(Cor litúrgica: verde)

O SANTUÁRIO DE DEUS É SANTO E VÓS SOIS ESTE SANTUÁRIO!


Entrada
Sê a Rocha que me Abriga                     
Reginaldo Veloso

(6º ao 9º DTC Ano A)

Ref.: sê a rocha que me abriga,
Casa forte que me salva;
Para honra do teu nome
És o guia que me ampara!

7º domingo - si 13 (12), 6
Confiei em teu amor,
Tu me salvas e eu me alegro;
Ao senhor eu cantarei
Pelo bem que me tem feito!

8º domingo si 18(17), 19-20
O senhor é meu apoio,
Da angústia me livrou;
O senhor é meu amigo
E por isso me salvou!

9º domingo - si 25(24), 16-18
Ó senhor, olha pra mim,
Piedade, estou aflito;
Vê minha dor,
Meu sofrimento
E perdoa meus delitos!

1. Ponho em deus minha esperança,
Que eu não seja envergonhado.
Já que és justo, me defende:
Sei que vou ser libertado.
Vem ouvir minha voz,
Eu estou angustiado.

2. Sê pra mim uma rocha firme,
Sê pra mim seguro abrigo,
Sê pra mim uma fortaleza.
Me orienta e eu vou contigo,
Eu te entrego o meu espírito
Desde agora, eu tu bendigo

3. Confiando em tua face,
Vão vencer os intrigantes.
Recebidos em tu tenda,
Proteção terão constante.
Sê bendito, meu senhor,
Sê bendito em todo instante.

4. Eu dizia na afiliação:
"deus não quer saber de mim".
Vejo agora que me ouviu,
Quando eu reclamei assim.
Santos todos, amem, louvem
O senhor, até o fim!
                                                                           

Música aqui.
                                                              
Perdão: 214
(Refrão)
Pelo Irmão que não amei!
1. Senhor, tende piedade de nós. / Pelo irmão que não amei, pelo mal que lhe causei, piedade. (bis) 
2. Ó Cristo, tende piedade de nós./ Pelo bem que eu não fiz, pela paz que eu não quis, piedade! (bis)
3. Senhor, tende piedade de nós./ Pelo amor que sufoquei, pela vida que matei, piedade! (bis)
                                                             

Hino de Louvor: 
Gloria a Deus no Céu – Pe. Ney Brasil
                                                             

SALMO RESPONSORIAL – SL 102 (103)

R: Bendize, ó minh'alma, ao Senhor, pois ele é bondoso e compassivo!

Bendize, ó minha alma, ao Senhor; / e todo o meu ser, seu santo nome! / Bendize, ó minha alma, ao Senhor; / não te esqueças de nenhum de seus favores!
Pois ele te perdoa toda culpa / e cura toda a tua enfermidade; / da sepultura ele salva a tua vida / e te cerca de carinho e compaixão.
O Senhor é indulgente, é favorável, / é paciente, é bondoso e compassivo. / Não nos trata como exigem nossas faltas, / nem nos pune em proporção às nossas culpas.
Quanto dista o nascente do poente, / tanto afasta para longe nossos crimes. / Como um pai se compadece de seus filhos, / o Senhor tem compaixão dos que o temem.
                                                      

    
Aclamação:
Aleluia, Aleluia, Aleluia, Aleluia

Ó Senhor, tuas palavras / são espírito e vida; / as
palavras que tu dizes / bem que são de eterna vida.
                                                 
Ofertório:
(6º ao 9º DTC)

A vós, Senhor, Apresentamos
A VÓS SENHOR APRESENTAMOS ESTES DONS:
o pão e o vinho, aleluia!(refrão)

1 - Que poderei retribuir ao Senhor Deus,
por tudo aquilo que Ele fez em meu favor?

2-Elevo o cálice da minha salvação,
invocando o nome santo do Senhor.

3-Vou cumprir minhas promessas ao Senhor,
na presença do seu povo reunido;

4-Por isso oferto um sacrifício de louvor,
invocando o nome santo do Senhor.
                                                                     
                                                                                  

Música aqui.

Santo: 
Santo – Joel Postma
                                                        
Comunhão: Sermão da Montanha (Felizes os pobres)
(4º ao 10º DTC Ano A)

                                                                  
                                                                   


FinalO Amor de Deus

O amor de Deus se mostra em pleno sol
Flore o jardim, dá vida ao beija-flor
Brinca no mar e as nuvens põe no céu
Pra me dizer: grande é teu valor!
Grande é teu valor!

O amor de Deus vem antes e depois
E vai além dos sonhos que aprendi
Não se desfaz, nem mesmo ao dizer não
É a luz que diz: filho, é por aqui!
Filho, é por aqui!

O amor de Deus renova os corações
Fala de paz, reparte sempre o pão
Fere o temor, enfrenta os desafios
Me faz dizer: tudo bem, irmão!
Tudo bem, irmão!

O amor de Deus compõe e recompõe
Estende a mão, jamais exclui alguém
Frente ao rancor, se firma no perdão
Fazendo ver: eu te quero bem!
Eu te quero bem!
                                                                

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.