sábado, 27 de agosto de 2016

Missa do dia 04/09/2016 – 23º domingo do Tempo Comum

Ano C
Início do Mês da Bíblia
“Quem não carrega sua cruz e não caminha atrás de mim, não pode ser meu discípulo.”

   

 James Tissot

ENTRADA
A Bíblia é a palavra de Deus

A bíblia é a palavra de Deus semeada no Meio do povo, que cresceu, cresceu e nos transformou, ensinando-nos viver num Mundo novo.

Deus é bom, nos ensina a viver. Nos revela o caminho a seguir. Só no amor partilhando seus dons, sua presença iremos sentir.

Somos povo, o povo de Deus, e formamos o reino de irmãos. E a palavra que viva nos guia e alimenta A nossa união.
                                                                        

ATO PENITENCIAL
1. Senhor, tende piedade de nós. / Pelo irmão que não amei, pelo mal que lhe causei, piedade. (bis)
2. Ó Cristo, tende piedade de nós./ Pelo bem que eu não fiz, pela paz que eu não quis, piedade! (bis)
3. Senhor, tende piedade de nós./ Pelo amor que sufoquei, pela vida que matei, piedade! (bis)
                                                             

Hino de Louvor:
Gloria a Deus no céu – Pe. Ney
Glória a Deus no céu/ E na terra paz aos homens/ Glória, aleluia!
1.  Glória ao Pai, o Criador/  Seu poder nos chamou a vida.  
2.  Glória ao Filho Redentor/   Sua cruz reconciliou-nos.   
3.  Glória ao Espírito de Amor/ Sua graça é que nos renova.
                                                         

SALMO RESPONSORIAL -  89 (90)
Vós fostes, ó Senhor, um refúgio para nós.

Vós fazeis voltar ao pó todo mortal, / quando dizeis: “Voltai ao pó, filhos de Adão!” / Pois mil anos para vós são como ontem, / qual vigília de uma noite que passou.

Eles passam como o sono da manhã, / são iguais à erva verde pelos campos. / De manhã ela floresce vicejante, / mas à tarde é cortada e logo seca.

Ensinai-nos a contar os nossos dias / e dai ao nosso coração sabedoria! / Senhor, voltai-vos! Até quando tardareis? / Tende piedade e compaixão de vossos servos!

Saciai-nos de manhã com vosso amor, / e exultaremos de alegria todo o dia! / Que a bondade do Senhor e  nosso Deus / repouse sobre nós e nos conduza! / Tornai fecundo, ó Senhor, nosso trabalho.
                                                          

Aclamação:

Aleluia, Aleluia, Aleluia, Aleluia!


1. Quem não carregar sua cruz, / não pode ser meu seguidor!
                                                              


Canto de preparação das oferendas:

1. Eu te ofereço o meu viver, o meu agir, meu pensamento. A minha força, minha fraqueza, eu fui chamado para a doação.

Neste ofertório renovarei o meu desejo de servir. Mesmo sabendo que nada sou eis-me Senhor, aqui estou!

2. Quem me seguir terá que sofrer tomar a cruz e ser pregado. A cruz sem ti quem vai suportar? Porém contigo não é nada.

3. Minha alegria é ser presença, é ser sinal de esperança. Farei da vida a oblação que tu fizeste ao Pai por todos nós.
                                                                  

Santo:
Santo – Joel Postma
                                                               
Canto da comunhão –
Quem quiser o melhor lugar
Refrão
22º Domingo (Lc 14,11)
                      C-                           Bb                                           Eb
Quem quiser o melhor lugar/ Ponha-se no derradeiro/
                                         F                 C-                    G-                          C-
Quer for o último aqui neste mundo/ No céu será o primeiro.

23º Domingo (Lc 14,27)
                       C-                       Bb                                            Eb
Quem não toma a sua cruz/ E não vem atrás de mim/
                                  F                          C-                    G-                                C-
Nunca ele poderá ser meu discípulo/Não pode seguir-me assim!

24º Domingo (Lc 15,24)
                    C-                       Bb                                         Eb
Um banquete se vai fazer/ Meu filho ressuscitou/
                                 F                           C-             G-                     C-
Pois quem perdido e morto estava/ À sua casa voltou!

Estrofes
Salmo 31 (30)
                           Eb                            Bb                                Ab                        Eb
1- Ponho em Deus minha esperança/ Que eu não fique envergonhado/
                  Ab                   Bb                        C-                   G
Já que é justo, me defende/ Sei que vou ser libertado/
               Ab                  F-                 G                 C-
Vem ouvir a minha voz/ Eu estou angustiado.

                         Eb                   Bb                Ab                       Eb
2- Vem, me mostra a tua face/ A brilhar de compaixão/
                  Ab                      Bb                             C-                   G
Tua bondade é sem tamanho/ Tens um grande coração/
                     Ab                       F-                       G                               C-
Os que em ti procuram abrigo/ Os que buscam, encontrarão.

               Eb                     Bb                      Ab               Eb
3- Confiando em tua face/ Vão vencer os intrigantes/
           Ab                     Bb                   C-                        G
Recebidos em tua tenda/ Proteção terão constante/
              Ab                      F-                   G                           C-
Sê bendito, meu Senhor/ Sê bendito em todo instante!

               Eb              Bb                         Ab                      Eb
4- Eu dizia na aflição/ Deus não quer saber de mim/
               Ab                        Bb                     C-                           G
Vejo, agora, que me ouviu/ Quando eu reclamava assim/
              Ab                        F-                         G                C-
Santos todos, amém, louvem/ O Senhor, até o fim!

Obs: Adaptar a melodia do refrão ao domingo correspondente.

                                                          


Final
Quem perde a sua vida por mim
Quem perde a sua vida por mim a
Encontrará, a encontrará, a encontrará
Quem deixa seu pai por mim, sua mãe por
Mim, me encontrará, me encontrará

Não tenhas medo, não tenhas medo, eu
Estou aqui, eu estou aqui

Quem deixa sua terra por mim, seus bens
Por mim, seus filhos por mim, me encontrará

Não tenhas medo, eu conheço aqueles que
Elegi, aqueles que elegi.
                                                              

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Missa do dia 28/08/2016 – 22º domingo do Tempo Comum


Ano C
Mês vocacional – Dia Nacional do Catequista
“Quem se eleva, será humilhado e quem se humilha, será elevado.”

 Cena de Cozinha com a Parábola da Grande Ceia – Joachim Wtewael (1566-1638)

ENTRADA
1. Um dia escutei teu chamado, divino recado batendo no coração. Deixei deste mundo as promessas e fui bem depressa no rumo da tua mão.
Tu és a razão da jornada, tu és minha estrada, meu guia e meu fim! No grito que vem do teu povo, te escuto de novo chamando por mim.
2. Os anos passaram ligeiro, me fiz um obreiro do Reino de paz e amor. Nos mares do mundo navego e às redes me entrego, tornei-me teu pescador.
3. Embora tão fraco e pequeno, caminho sereno com a força que vem de ti. A cada momento que passa, revivo esta graça de ser teu sinal aqui.
                                                                    

ATO PENITENCIAL
1. Senhor, vós sois o caminho, guiai-nos ao Pai com carinho. De nós tende piedade! Senhor, tende piedade!
2. Ó Cristo, sois a verdade, enchei-nos de caridade. De nós tende piedade! Ó Cristo, tende piedade!
3. Senhor, vós sois nossa vida, buscais a ovelha perdida. De nós tende piedade! Senhor, tende piedade!
                                                                  
Hino de Louvor:
Gloria – Paulo L. Domingos
                                                                  


SALMO RESPONSORIAL -  67 (68)
Com carinho preparastes uma mesa para o pobre.


Os justos se alegram na presença do Senhor; / rejubilam satisfeitos e exultam de alegria! / Cantai a Deus, a Deus louvai, cantai um salmo a seu nome! / O seu nome é Senhor; exultai diante dele!

Dos órfãos ele é pai, e das viúvas protetor; / é assim o nosso Deus em sua santa habitação. / É o Senhor quem dá abrigo, dá um lar aos deserdados, / quem liberta os prisioneiros e os sacia com fartura.

Derramastes lá do alto uma chuva generosa, / e vossa terra, vossa herança, já cansada, renovastes; / e ali vosso rebanho encontrou sua morada; / com carinho preparastes essa terra para o pobre.
                                                            

Aclamação:

Aleluia, Aleluia, Aleluia, Aleluia!


1. Foi o Senhor quem me mandou boas notícias anunciar; / a quem está no cativeiro, libertação eu vou proclamar!
                                                    


Canto de preparação das oferendas:
A mesa santa
A mesa santa que preparamos,
Mãos que se elevam a Ti, Ó Senhor.
O pão e o vinho, frutos da Terra,
Duro trabalho, carinho e amor:

Ô,ô,ô, recebe, Senhor!
Ô,ô, recebe, Senhor!

Flores, espinhos, dor e alegria,
Pais, mães e filhos diante do altar.
A nossa oferta em nova festa,
A nossa dor vem, Senhor, transformar

A vida nova, nova família,
Que celebramos aqui tem lugar.
Tua bondade vem com fartura
É só saber, reunir, partilhar. 
                                                             

Santo:
Santo – Irmã Miria
                                                               

Canto da comunhão –
O Meu reino
1 - O meu Reino tem muito a dizer, não se faz como quem procurou, aumentar os celeiros bem mais e sorriu. Insensato, que vale tais bens, se hoje mesmo terás o teu fim? Que tesouros tu tens pra levar além.

Sim senhor, nossas mãos vão plantar o teu reino.
O teu pão vai nos dar teu vigor, tua paz.

2 - O meu reino se faz bem assim: Se uma ceia quiseres propor, não convide amigos, irmãos e outros mais. Sai à rua a procura de quem não puder recompensa te dar, que o teu gesto lembrado será por Deus.

3 - O meu reino quem vai compreender? Não se perde na pressa que tem, sacerdote e levita que vão se cuidar. Mas, se mostra em quem não se contem, se aproxima e procura o melhor para o irmão agredido que viu o chão.

4 - O meu reino não pode aceitar, quem se julga maior que os demais por cumprir os preceitos da lei, um a um a humilde de quem vai além e se empenha e procura o perdão, é o terreno onde pode brotar a paz.
 
5 - O meu reino é um apelo que vem, transformar as razões do viver, que te faz desatar tantos nós que ainda tens. Dizer sim é saberes repor tudo quanto prejuízo causou, dar as mãos, repartir, acolher, servir!
                                                                    

Final
Vamos em paz

Refrão: Vamos em paz, e o Senhor nos acompanhe para sempre./ Nossa missão e construir um mundo novo, mais irmão.

1. Vamos repartir mais alegria num mundo que se esvazia do sentido de viver./ Vamos crer na força da verdade. Para que a humanidade sinta a vida renascer.

2. Vamos neste mundo de incerteza defender com mais firmeza o calor da união./ Onde não houver fraternidade levemos nossa amizade em verdadeira comunhão.
                                                             

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Missa do dia 21/08/2016 – Assunção de Nossa Senhora

La asunción de la virgen - Eugenio Cajés, 1603
Ano C
Mês vocacional – Vocação à vida consagrada
A minha alma engrandece o Senhor

ENTRADA
De alegria vibrei no Senhor
                                                                    


ATO PENITENCIAL
Perdão Piedade de Nós
                                                               

Hino de Louvor:
Gloria a Deus
                                                               

SALMO RESPONSORIAL -  44 (45)
À vossa direita se encontra a rainha, com veste esplendente de ouro de Ofir.

 As filhas de reis vêm ao vosso encontro, / e à vossa direita se encontra a rainha / com veste esplendente de ouro de Ofir.

Escutai, minha filha, olhai, ouvi isto: / “Esquecei vosso povo e a casa paterna! / Que o Rei se encante com vossa beleza! / Prestai-lhe homenagem: é vosso Senhor!

Entre cantos de festa e com grande alegria, / ingressam, então, no palácio real”.
                                                                  

Aclamação:
Aleluia, Aleluia, Aleluia, Aleluia!

Maria é elevada ao céu; / alegrem-se os coros dos anjos.
                                                             

Canto de preparação das oferendas:
É grande o Senhor
                                                                   


Santo:
Santo – Frei Luis Turra
                                                               

Canto da comunhão –
Povo de Deus foi assim1. Povo de Deus, foi assim: Deus cumpriu a palavra que
diz: "Uma virgem irá conceber", e a visita de Deus me
fez mãe!  Mãe do Senhor, nossa mãe, nós queremos
contigo aprender / A humildade, a confiança total, e
escutar o teu Filho que diz:

Refrão:
Senta comigo à minha mesa, nutre a esperança, reúne
os irmãos! Planta meu reino, transforma a terra,
mais que coragem, tens minha mão!

2. Povo de Deus foi assim: nem montanha ou distância
qualquer / Me impediu de servir e sorrir. Visitei com
meu Deus. Fui irmã!  Mãe do Senhor, nossa mãe, nós
queremos contigo aprender / Desapego, bondade, teu
sim, e acolher o teu Filho que diz:

(Refrão)

3. Povo de Deus, foi assim: meu menino cresceu e
entendeu, Que a vontade do Pai conta mais, e a
visita foi Deus quem nos fez. / Mãe do Senhor, nosso
mãe, nós queremos contigo aprender / A justiça, a
vontade do Pai, e entender o teu Filho que diz:

(Refrão)

4. Povo de Deus, foi assim: da verdade jamais se
afastou. Veio a morte e ficou nosso pão. Visitou-nos
e espera por nós! / Mãe do Senhor, nossa mãe, nós
queremos contigo aprender / A verdade, a firmeza, o
perdão, e seguir o teu Filho que diz:

(Refrão)

                                                         

Final
Se Maria, vais comigo
                                                                         



sábado, 13 de agosto de 2016

Missa do dia 14/08/2016 – 20º Domingo do Tempo Comum

Ano C
Mês vocacional – Vocação para a vida em família
Dia dos Pais

ENTRADA
Eis-me aqui Senhor

Eis-me aqui Senhor! Eis-me aqui Senhor!
Pra fazer Tua Vontade pra viver do Teu Amor
Pra fazer Tua Vontade pra viver do Teu amor
Eis-me aqui Senhor!


O Senhor é o Pastor que me conduz
Por caminhos nunca vistos me enviou
Sou chamado a ser fermento sal e luz
E por isso respondi: aqui estou!

Ele pôs em minha boca uma canção
Me ungiu como profeta e trovador
Da história e da vida do meu povo
E por isso respondi: aqui estou!

Ponho a minha confiança no Senhor
Da esperança sou chamado a ser sinal
Seu ouvido se inclinou ao meu clamor
E por isso respondi: aqui estou!

                                                            
ATO PENITENCIAL
Kyrie Eleison
                                                             

 
Hino de Louvor:
Gloria a Deus no céu – Pe. Ney
                                                                


SALMO RESPONSORIAL -  39 (40) R.: SOCORREI-ME, Ó SENHOR, VINDE LOGO EM MEU AUXÍLIO!
1. Esperando no Senhor, esperei no Senhor, e inclinando-se, ouviu meu clamor./

2. Retirou-me da cova da morte e de um charco de lodo e de lama. Colocou os meus pés sobre a rocha, devolveu a firmeza a meus passos./

3. Canto novo ele pôs em meus lábios, um poema em louvor ao Senhor. Muitos vejam, respeitem, adorem e esperem em Deus, confiantes./

4. Eu sou pobre, infeliz, desvalido, porém, guarda o Senhor minha vida, e por mim se desdobra em carinho. Vós me sois salvação e auxílio; vinde logo, Senhor, não tardeis!

                                                                       
Aclamação:
Aleluia, Aleluia, Aleluia, Aleluia!


Minhas ovelhas escutam a minha voz, minha voz estão elas a escutar; eu conheço, então, minhas ovelhas, que me seguem, comigo a caminhar.
                                                                      

Canto de preparação das oferendas: 
Muitos grãos de trigo
                                                                     

Santo:
Santo – Ir. Miria
                                                                   

Canto da comunhão –
Eu sou o pão vivo descido do céu
                                                                     


                                                                     
Final
O Amor de Deus
O amor de Deus se mostra em pleno sol
Flore o jardim, dá vida ao beija-flor
Brinca no mar e as nuvens põe no céu
Pra me dizer: grande é teu valor!
Grande é teu valor!

O amor de Deus vem antes e depois
E vai além dos sonhos que aprendi
Não se desfaz, nem mesmo ao dizer não
É a luz que diz: filho, é por aqui!
Filho, é por aqui!

O amor de Deus renova os corações
Fala de paz, reparte sempre o pão
Fere o temor, enfrenta os desafios
Me faz dizer: tudo bem, irmão!
Tudo bem, irmão!

O amor de Deus compõe e recompõe
Estende a mão, jamais exclui alguém
Frente ao rancor, se firma no perdão
Fazendo ver: eu te quero bem!
Eu te quero bem!
                                                                 

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Missa do dia 07/08/2016 – 19º Domingo do Tempo Comum



Ano C
Mês Vocacional
Vocação ao Ministério Ordenado
Estátua de São João Maria Vianey – O Cura d'Ars
ENTRADA
Venham trabalhar na minha vinha
                                                  
ATO PENITENCIAL
Por nossas fraquezas humanas
Por nossas fraquezas humanas, Senhor tende piedade!
Por nosso injusto egoísmo, Senhor tende piedade!

Por nossas faltas de fé e de amor, Piedade, piedade senhor!
Por nossas faltas de fé e de amor, Piedade, piedade senhor!

Porque eu não fui solidário, Senhor tende piedade!
Porque fomos indiferentes, Senhor tende piedade!

Por nossas faltas de fé e de amor, Piedade, piedade senhor!
Por nossas faltas de fé e de amor, Piedade, piedade senhor!
Hino de Louvor:
Glória – Paulo L. Domingos
                                                                            

SALMO RESPONSORIAL - (32/33  )
Feliz  o  povo  que  o  Senhor  escolheu por sua herança!
                                                         
Aclamação:
Aleluia, Aleluia, Aleluia, Aleluia!
               
1. É preciso vigiar e ficar de prontidão, em que dia o Senhor há de vir, não sabeis não!
                                                                   
Canto de preparação das oferendas:
No teu altar Senhor

No teu altar, Senhor, coloco a minha vida em oração.
1. A alegria de amar e ser amado / quero em tuas mãos depositar.
2. O desejo de ser bom e generoso / faz-me viver com mais amor.
3. Os amigos que me deste e que são teus. / Tudo entrego a Ti, Senhor.
                                                          
Santo:
Santo Deus do universo
                                                                     
 
Cordeiro de Deus
                                                                      


Canto da comunhão
Sempre Prontos estejam vocês
                                                                   


Final
O Amor de Deus
O amor de Deus se mostra em pleno sol
Flore o jardim, dá vida ao beija-flor
Brinca no mar e as nuvens põe no céu
Pra me dizer: grande é teu valor!
Grande é teu valor!

O amor de Deus vem antes e depois
E vai além dos sonhos que aprendi
Não se desfaz, nem mesmo ao dizer não
É a luz que diz: filho, é por aqui!
Filho, é por aqui!

O amor de Deus renova os corações
Fala de paz, reparte sempre o pão
Fere o temor, enfrenta os desafios
Me faz dizer: tudo bem, irmão!
Tudo bem, irmão!

O amor de Deus compõe e recompõe
Estende a mão, jamais exclui alguém
Frente ao rancor, se firma no perdão
Fazendo ver: eu te quero bem!
Eu te quero bem!